No dia da morte do miliciano, Moro vai ao Twitter para defender publicidade infantil

Juíza cita ‘magnitude’ de crimes atribuídos a Lulinha
9 de fevereiro de 2020
Conversamos com publicitária autora de vídeo genial sobre 1ª viagem de avião
11 de fevereiro de 2020

Agência de Propaganda em Santos

Estande para Intermodal – O ministro Sérgio Moro (Justiça) defendeu a publicidade infantil, neste domingo (9), dia em que o miliciano Adriano da Nóbrega Silva morreu em uma troca de tiros com policiais na Bahia. “Quando criança, adorava assistir desenhos nos sábados pela manhã. Atualmente, quase não existem mais programas infantis nas TVs abertas, salvo honrosas exceções”, disse Moro
edit


Administração de redes sociais247 – O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, foi ao Twitter defender publicidade infantil, neste domingo (9), dia em que o miliciano Adriano da Nóbrega Silva, ligado à família Bolsonaro, morreu em uma troca de tiros com policiais na Bahia. Ele é suspeito de envolvimento com a morte da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL) e foi citado nas investigações sobre um esquema de corrupção no gabinete do senador Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). O parlamentar era deputado estadual. 

Estande para Intermodal – “A SENACON/MJSP está lançando consulta pública sobre novas regras para publicidade em programas infantis na TV e na internet. Proteger é preciso, mas sem inviabilizar. E as regras têm que ser similares na TV e na internet. Participe”, postou o ex-juiz no Twitter. “Quando criança, adorava assistir desenhos nos sábados pela manhã. Atualmente, quase não existem mais programas infantis nas TVs abertas, salvo honrosas exceções. Um exemplo de que o excesso de regulação pode inviabilizar a atividade”, acrescentou.

Bio – Ele foi apontado pelo MP-RJ como o chefe do Escritório do Crime, grupo de matadores profissionais. A mãe do ex-policial trabalhou no gabinete de Flávio Bolsonaro na Alerj. 

Magia para empresa ganhar dinheiro – O ex-militar é suspeito de envolvimento com a morte da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL) – o crime aconteceu em março de 2018. 

Fonte: https://www.brasil247.com/brasil/no-dia-da-morte-do-miliciano-moro-vai-ao-twitter-para-defender-publicidade-infantil

O post No dia da morte do miliciano, Moro vai ao Twitter para defender publicidade infantil apareceu primeiro em Lima & Santana Propaganda.

Fonte: Lima & Santana Propaganda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *